Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Entre Barbas

Emoções colocadas por extenso, experiências, devaneios e desabafos, ventilados por via da escrita.

Emoções colocadas por extenso, experiências, devaneios e desabafos, ventilados por via da escrita.

Entre Barbas

“Tudo o que chega, chega por uma razão.” – Fernando Pessoa
02
Nov18

Provação

Alastor

Uma vez na vida outra na morte
há quem tenha essa bendita sorte;
outros apenas o demónio;
no inferno a que chamam de matrimónio.

Duas almas ausentes,
à espera d'uma ligação,
mas não há wi-fi naquele coração,
Apenas sinais, de estados intermitentes.

A tempestade iminente,
que vem como uma doença,
trazendo consigo o tornado da indiferença,
deste sentimento dissidente.

Nem todas possuem a aptidão
para ver as várias luas, na minha escuridão,
mas foi nessa tua ausência que descobri,
a minha própria luz, que em tempos cobri.

Agora pára e pensa,
Que qualquer semelhança, é mera coincidência,
e é toda esta essência,
uma consequência de quem à muito, já perdeu a sua inocência.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Favoritos

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D